OS EFEITOS DA ALIENAÇÃO PARENTAL NA CRIANÇA:

a visão da psicanálise lacaniana

  • Maria Arlinda Reis de Marques Freitas
Palavras-chave: Alienação parental; Direito; Psicanálise; Aspectos psicopatológicos; Efeitos psíquicos na criança.

Resumo

O fenômeno da alienação parental, que é uma espécie de assédio familiar e moral, configurando violência psicológica, existe desde os primórdios do mundo civilizado, muitas vezes carregando forte bagagem cultural, transmitida de geração a geração no seio de uma família. Ora se manifesta de forma clara, observável; ora de forma velada, de difícil constatação. Como toda violência psicológica, ela pode trazer sérios danos à vida psíquica de uma criança, com consequências nefastas à sua saúde mental, nos aspectos emocional, relacional e até sexual. É disto que trata o presente artigo, fruto de um tema abordado em live promovida pelo IBDFAM-MA, na qual a autora participou como convidada. Neste artigo, aborda-se a teorização do psiquiatra Richard Gardner; aspectos relacionados à lei da alienação parental; o que diz a Psicanálise sobre o tema da alienação e os possíveis efeitos da alienação parental na saúde psíquica da criança, com base na psicanálise lacaniana.

Publicado
2022-01-07
Como Citar
Freitas, M. (2022). OS EFEITOS DA ALIENAÇÃO PARENTAL NA CRIANÇA:. Revista Interdisciplinar Sistemas De Justiça E Sociedade, 2(1), 28-39. Recuperado de https://justicaesociedade.tjma.jus.br/index.php/esmam/article/view/138